Ensaio fotográfico para o Natal

Por  |  0 Comentários

Sim, dá para fazer um ensaio fotográfico de Natal bem diferente do que se costuma ver todos os anos. Como? Vem conosco que te mostramos!

Na contagem regressiva para a noite de Natal, um menininho de roupa vermelha e orelhas pontudas surge na casa da família Lawrence. Minúsculo e sorridente, o pequeno elfo não se importou em posar para as lentes do fotógrafo Alan Lawrence durante as suas estripulias.

Na verdade, o bebê é o filho mais novo do Alan e irmão do Wil. Para quem não sabe, ele já realizou um projeto chamado “Wil Can Fly” para realizar o sonho do filho, que nasceu com Síndrome de Down, de voar. Tornaram-se, inclusive, um calendário em prol das instituições carentes. Para ver as fotografias, clique aqui.

O ensaio fotográfico foi feito dentro de casa com utensílios que todo mundo tem. O tema proposto era a “bagunça de um duende”. O baixinho foi alvo de diversos registros do pai, que é diretor de arte. Montagens bem humoradas levaram o “elfo” a envolver a árvore de Natal com papel higiênico e até a embrulhar para presente o vaso sanitário. Junto com as imagens, Alan narra a história sobre os doze dias que o “elfo” teria ficado aprontando todas em sua casa.

Brincadeiras à parte, essa é uma ótima ideia para quem busca uma sessão de fotos diferenciada para este Natal. Bons profissionais podem te auxiliar a criar uma ideia criativa que além de deixar as suas crianças se divertirem durante o ensaio, também vai deixar os familiares encantados.

ensaio-fotografico-natal-estripulia ensaio-fotografico-natal-banho ensaio-fotografico-natal-baguncas ensaio-fotografico-natal-arvore ensaio-fotografico-natal-brincadeira ensaio-fotografico-natal-marshmallow ensaio-fotografico-natal-mulherengo ensaio-fotografico-natal-selfie

Você já acessou nosso Guia de Fornecedores? O divisor de águas das festas, feito exclusivamente para você que deseja montar um timaço com carimbo Inesquecível Festa Infantil.

avatar

Apaixonada por crianças e por jornalismo, segue se inspirando no universo lúdico infantil e fazendo de tudo pelos sobrinhos enquanto os seus 30 e poucos não chegam com a vinda da cegonha.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *